Terça-feira, 15 de Janeiro de 2008
LUTA INCESSANTE

POEMA lll

 

Se pudesse

 

 

Se pudesse

Fazer a vida voltar atrás

E fazer com que tudo fosse diferente...

 

Se pudesse

Manter aquele barco parado no cais

Anular a tua viagem a Maquela

E não deixar tudo aquilo acontecer...

 

Ah, se pudesse

E se me fosse possívél alterar o teu destino;

Regressava de novo ao ventre dela

E voltava a nascer

Para ser outro menino.

 

 

Poema lV

 

 

O verdadeiro

 

 

Nos objectos do teu espólio

Procurava mas não te encontrava...

Sentia a tua presença

Mas não te via...

 

Tinha apenas a imagem

Que a minha fantasia de ti fazia

Mas não era essa que queria...

 

O que queria

De verdade

Era ter-te a meu lado

De corpo inteiro.

 

Então, para te ter

Vestia a tua farda

E pensava

Que eu

Eras tu

O verdadeiro.

 

 

Poemas de António Teixeira da Mota do seu livro " LUTA INCESSANTE"



publicado por joselessa às 21:00
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


posts recentes

ADEUS SENHOR DOMINGOS

A TRISTE SINA DE SINISTRA...

NOITE SEM OLHOS

AMO DEMAIS

ESCUTA-ME

VAMOS AJUDAR O ALBINO...

NOVIDADES PARA VER NO POR...

LINGUAGEM PARLAMENTAR

NOVAS LEITURAS E TUDO O M...

A motivação de um líder

arquivos

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

favoritos

eu

Cancioneiro popular

ELEITO DO DIA

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds